Entrevista 204 com a Banda Mexicana Opera At The Massacre


A Tempestade Conservadora Chega a Sua Entrevista 204 com a Banda Mexicana Opera At The Massacre e eles nos lançam seu primeiro álbum intitulado como Mindfuck e a banda tem essa formação:Alexis Rodríguez como Vocalista,Carlos Campos como Guitarrista,Luis Arce como Baixista e Eloy como Baterista.Luis foi o escolhido da banda para responder as nossas perguntas.As quais serão respondidas a partir de agora.

Tempestade Conservadora 1:Apresentem a banda pra nós?
Luis Arce-Opera At The Massacre:Nós somos a banda Opera At The Massacre, somos uma banda de Death Metalcore. Nós somos de San Luis Potosí no México.
Nós tocamos há alguns anos,algo como quatro anos, talvez.A OATM é: Carlos Campos na guitarra solo,eu Luis Arce no baixo, Alexis Rodríguez nos vocais e Eloy na bateria.
Tempestade Conservadora 2:Falem sobre o trabalho de composição em Mindfuck?
Luis:Sim,Mindfuck é o nosso primeiro álbum completo. Existem onze músicas neste álbum. Tentamos misturar a ideia de muitos protestos e críticas a governos, religião, exércitos e definimos nossos pensamentos sobre ser completamente explosivos mentalmente . A música é realmente furiosa e selvagem com uma centelha realmente especial do que somos.
Tempestade Conservadora 3:A Banda escolheu algum single pra este álbum e o porque da escolha?
Luis:Na verdade, nós pegamos o caminho de apenas estrear nosso álbum aqui em San Luís Potosi e depois fizemos o upload para o Spotify e para aquelas plataformas digitais.Devido a isso, nós tivemos alguns problemas antes disso. Questões de dinheiro, discussões com a nossa vocalista passado,é por isso.
Tempestade Conservadora 4:Geralmente,as bandas começam com Demos.Mas vocês fizeram um EP e um Full Lenght.É possível dizer que a banda teve um casamento musical mais rápido que o esperado?
Luis:Bem, nós só temos um E.P que se chama From the Deepest e sim, eu acho. Nosso compromisso com a música já é forte. Na verdade, nós preferimos ensaiar nossos repertórios do que perder tempo. Tentamos ser o mais profissional possível, desde a pontualidade até o melhor espetáculo que podemos oferecer às pessoas.

Tempestade Conservadora 5:A Banda terá shows ou turnês em 2019?
Luis:Nós ainda não temos um tour reservado, devido a nossa rotina diária e ao dinheiro. Estamos checando algumas datas que temos que esclarecer. Alguns dentro da cidade e outros fora de SLP. No entanto, estamos sempre tentando registrar o máximo de datas possível.
Tempestade Conservadora 6:A Banda diz que crítica governos.Mas a banda dá mais foco aos governos sul americanos ou no mundo de forma geral?
Luis:Nos governos mundiais, nós nos concentramos mais em nosso governo e nos genocídios que eles cometeram ao povo mexicano. Ayotzinapa, por exemplo. Nós falamos sobre como eles buscam a guerra da paz, matando pessoas inocentes, recrutando crianças.
Tempestade Conservadora 7: É possível dizer que a banda dá um caráter orgânico às suas letras e sons? Se sim, como isso é feito?
Luis:Na verdade sim. Nós tentamos criar nosso próprio estilo de música, para ser verdadeiramente original referindo-se a nossa música, letras e performance. Sentimos que o Opera At The Massacre é uma mistura completa de muitos subgêneros de Metal e a harmonia da música clássica e isso é porque das nossas influências musicais que são realmente variadas.
Tempestade Conservadora 8:Que tipo de discussões fez com que a Kradd Wrong saísse da banda?
Luis:O objetivo da banda é ser um grupo de profissionais, pessoas que vivam para a música, para essa ideia, pessoas que querem se destacar no cenário local, nacional e internacional e nós tomamos isso como um trabalho real, se alguém está ficando para trás da banda continua com ou sem eles. Nós sempre tentamos terminar bem com as pessoas envolvidas.
Tempestade Conservadora 9:Como foi a recepção deste álbum?
Luis:Foi incrível, para ser honesto. Nossos amigos, familiares e aqueles que nos acompanham nos mostraram seu apoio e aceitação, comprando nossa mercadoria, ouvindo nossas músicas, compartilhando nossos posts, perguntando sobre nossas datas de show. É incrível e é por isso que queremos estar melhorando e buscando mais, para mostrar nossa gratidão fazendo música.
Tempestade Conservadora 10:No começo da banda,quem influenciou vocês?
Luis:Nós fomos influenciados por In Flames desde que começamos a compor o álbum. As I Lay Dying,Lamb Of God,Children of Bottom,Thy Art Is Murder, Trivium
são algumas das nossas influências.Além disso, cada um de nós tem outras influências. Podemos ouvir um delicioso Blues, ouvir Cumbia, Rock,Post Rock, Clássico e etc.Somos uma mistura de tudo isso.
Tempestade Conservadora 11:Falem sobre a cena do Metal Mexicano?
Luis:É uma cena forte, muito forte. Existem tantas bandas e muitos estilos que você nunca consegue o suficiente. Você pode ouvir Lethal Creation, Ozymandia, Hellmaistroz, Aztlán, Arcadia Libre, Here comes the kraken, All Deserve To Die, Attaxic e etc e você saberá que o México é uma máquina de músicos talentosos. As pessoas apoiam a banda que eles gostam, obviamente . Mas se você precisar de alguma ajuda deles, eles estarão lá para você sem perguntar. As pessoas hoje em dia querem mostrar esse apoio e compartilham seus posts e ouvem suas músicas no Spotify, iTunes, Bandcamp. Eles assistem aos shows quando podem assistir, mas eles estão indo para o show, as pessoas mandam uma mensagem dizendo por que e enviando os melhores votos.

Tempestade Conservadora 12:O Que é mais latente na banda o Death ou o Metalcore ou os dois juntos por isso a banda se intitula como Deathcore?
Luis:Nós pensamos que estamos no meio, mas não sendo uma banda do Deathcore. Temos a ideia de que podemos nos encaixar no Death Metal e no Metalcore. Nossas músicas têm breakdowns e verdadeiramente riffs de Death Metal.
Tempestade Conservadora 13:A Banda gosta e conhece algo do Metal Brasileiro?
Luis:Eloy viu Sepultura aqui em San Luis Potosí, tocamos com o Nervosa uma vez em Aguascalientes, México. Gostaríamos de saber mais sobre o cenário brasileiro e se conseguirmos, dividiremos o palco com muitas bandas brasileiras, conhecendo e sendo amigos deles!
Tempestade Conservadora 14:O Que a Opera At The Massacre tem de diferente de suas bandas passadas?
Luis:Nós temos que criar nosso próprio som e nós estamos fazendo isso,nosso próprio estilo.Temos que manter essa centelha do que nos faz parte disso.Temos que divulgar nosso material porque atualmente as gravadoras não apoiam as bandas emergentes como há trinta anos.
Tempestade Conservadora 15:A Banda acredita que este álbum é conceitual?Sim ou Não e Porque?
Luis:Hum,não sei. Nós não falamos sobre isso, hahaha. Mas nós achamos que a ideia deste álbum é realmente clara, problemas reais, não um conto de fadas.
Tempestade Conservadora 16:A Banda sentiu diferenças entre Alexis Rodríguez e Kradd Wreing?
Luis: Não, como eu disse.OATM sempre quer terminar bem com todos. Desejamos a ela o melhor para sua vida, e se a vemos em alguns shows, tentamos cumprimentá-la, mas todos sabemos que se alguém não quiser ver outra pessoa.Então,não há mais nada a fazer.
Tempestade Conservadora 17:Qual a ideia da capa do álbum Mindfuck?
Luis:Antes de tudo, esta obra foi feita por Alejandro Galicia. Um dos nossos melhores amigos! Na capa há uma fera amarrada a duas pedras, que mostra um Mindfuck. Uma impressão horrível.
Tempestade Conservadora 18:Mandem uma mensagem aos fãs,a entrevista terminou
Luis:Ei amigos! Esperamos ver todos vocês em nossos próximos shows, nós realmente apreciamos o seu apoio. Se você não nos ouviu e se quiser conferir nossa música, pode nos procurar no Spotify ou comprar nosso álbum físico. Esperamos que você goste! Muito obrigada e obrigada, Felipe! Suas perguntas foram incríveis !! Obrigado por nos considerar!

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicanalista

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

Seja Bem Vindo

Meu Canal de Vendas

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

Coeficiente

Textos Acadêmicos, Resenha de Livros e Discos

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

ESTERILTIPO

Resenha de discos de Rock & Metal

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

%d blogueiros gostam disto: