Entrevista 263 com a Banda Finlandesa As I May


A Tempestade Conservadora Chega a sua Entrevista 263 com a Banda Finlandesa As I May e eles nos lançam seu segundo álbum intitulado como My Own Creations.A Banda tem essa formação:Tipi Nokelainen como Baixista e Vocalista,Lasse Hiltunen e Jani Valhola nas Guitarras e Marko Korhonen na Bateria.Lasse foi o escolhido da banda pra responder nossas perguntas.Vamos lá,mas antes a música deles.

Tempestade Conservadora 1:Apresentem a banda pra nós?
Lasse Hiltunen-As I May:As I May foi formada em 2016. Somos quatro pedaços de banda de metal moderno de Mikkeli na Finlândia.
Tempestade Conservadora 2:Falem sobre o trabalho de composição em My Own Creations?
Lasse:Nós levamos no ano passado para este álbum. Nós recebemos o novo vocalista Tipi Nokelainen e sabíamos que a nossa formação está completa agora. Nós tivemos muito trabalho para fazer com nosso som. Sabíamos o que queríamos fazer, mas havia muitas coisas para fazer com que soasse da maneira que queríamos que soasse.
Tempestade Conservadora 3:A Banda escolheu algum single pra este álbum e o porque desta escolha?
Lasse:O primeiro single foi Pride Goes Before A Fall. Razão para isso foi mais similar do que o último single antes deste novo álbum, então é um passo fácil para este novo álbum para pessoas que sabiam quem somos.
Tempestade Conservadora 4:Como a banda faz o mix entre Metalcore e Metal Moderno?
Lasse:Eu acho que nós não conhecemos tão bem esses gêneros que soa mistura de algo. As pessoas dizem que esse é o nosso som. Nós somos cabeças de metal da velha escola. Ouvindo bandas como In Flames etc. Então vem de lá. Não muito planejado. O som da guitarra talvez é uma coisa que queremos soar moderna e apertada.

Tempestade Conservadora 5:A Banda terá shows ou turnês a fazer em 2019?
Lasse:Nós apenas começamos com alguns shows e estamos fazendo turnê na Finlândia com três bandas de metal modernas. Temos gerente na Dinamarca, então o foco é o próximo ano na Europa e etc.
Tempestade Conservadora 6:Qual tema lírico do álbum?
Lasse:Há muito pensamento da morte de muitas maneiras diferentes, mas também de outros assuntos. Meu pai morreu pouco antes de começarmos o álbum, então tem impacto no álbum.
Tempestade Conservadora 7:O que a banda quer dizer com Metal Moderno?
Lasse:Bem, tem elementos modernos e é misturado de maneira moderna. Nosso produtor cortou os solos de guitarra e disse que você pode fazer outra coisa para esses pontos do que o típico solo de guitarra. Mas, no geral, como as músicas são postas e mixadas ao final do álbum.
Tempestade Conservadora 8:O que a As I May tem de diferente de suas bandas anteriores?
Lasse:Bem muitas coisas. Nós jogamos mais de 25 anos cada. Com As I May, tivemos que descobrir muitas coisas, como podemos fazer isso e como elas estão funcionando ao vivo. Há uma parede de som enorme que precisamos trazer conosco quando estamos tocando ao vivo.
Tempestade Conservadora 9:Existe alguma razão pra não ter música de introdução neste álbum?
Lasse:Novo álbum tem. Queríamos ter mais atenção para aqueles que nos conheciam do passado, porque isso era sonoramente algo que eles não esperavam. Não sei se o próximo álbum começa com o trompete completo. Depende da atmosfera dos álbuns.
Tempestade Conservadora 10:Falem sobre a Cena Metal da Finlândia?
Lasse:Nós temos a maioria das bandas de metal no mundo, se você observar quantas pessoas vivem no país. Cena de metal está viva e bem aqui. Um monte de novas bandas talentosas estão chegando. Essa cena que estamos incluindo está apenas aumentando aqui. Nós temos uma longa história com metal, então as típicas bandas de metal finlandês obtêm mais inspiração de suas raízes.
Tempestade Conservadora 11:Como a banda recebeu a notícia de que seu som irá para a Ásia?
Lasse:Nós obtivemos isso do nosso rótulo, que eles fizeram lidar com a gravadora Spiritual Beast e eles querem liberá-lo na Ásia. Isso foi realmente ótimo para nós.

Tempestade Conservadora 12:A Banda acredita que este álbum é conceitual?Sim ou Não e Porque?
Lasse:Sim. Se eu entendi isso correto. Sim. É mais de pensar nessa morte e vida que você viveu. Tem aquele som melancólico. Bem, o que é típico de bandas escandinavas, mas tem muito mais também. O próximo álbum será outra coisa. Eu não acho que nós queremos fazer o mesmo álbum duas vezes. Álbum é como uma foto da banda naquele período em que a banda estava quando foi feita.
Tempestade Conservadora 13:Por que é possível dizer que o punk entra em seu som e música?
Lasse:Nós temos raízes do punk. De bandas como Offspring e etc. Então as músicas estão se movendo rapidamente para frente e a duração é curta, você não fica entediado, o que é típico do punk. Também é fácil ouvir vocais. Nós não somos muito ligados à música matemática. É mais daqueles acordes que você não tocou do que tocou.
Tempestade Conservadora 14:Como a banda chegou na Rockshots Records?
Lasse:Acho que temos doze ofertas de gravadoras de todo o mundo. Nós realmente não esperava que e não sabia o que fazer. Foi um momento difícil para nós. Temos ofertas para tocar em nós em grandes festivais e todos queriam fechar as negociações rapidamente. Um cara do Canadá disse que trabalha com fotos de rock e teve boas informações da gravadora. Também é um negócio e foi muito bom para nós e parecia certo fazer.
Tempestade Conservadora 15:Qual a ideia da capa do álbum?
Lasse:Encontramos esse cara Jan do facebook e ele tinha uma capa pronta que cabia no título do nosso álbum, então pedimos que se ele pudesse fazer capas completas para nós.
Tempestade Conservadora 16:A Banda sentiu diferenças na parte lírica e no som entre Speak no Evil e agora em My Own Creations?
Lasse:Sim.Speak No Evil tem mais histórias individuais do que este álbum é mais em torno de um tópico. Não me lembro de histórias do álbum Speak No Evil no Estreito, porque deixamos as histórias mais abertas para que possam ter diferentes significados para diferentes pessoas.
Tempestade Conservadora 17:A Banda conhece e gosta do Metal Brasileiro?
Lasse:Claro que todo mundo conhece o sepultura. Ele teve enorme impacto para mim quando eu era jovem. Caos a.d era algo de que eu tinha ouvido falar antes. Claro que há muito mais, mas essa foi a primeira coisa que veio à minha mente.
Tempestade Conservadora 18:Mandem uma mensagem aos fãs,a entrevista terminou
Lasse:Obrigado cara, muito apreciado. Vá e confira nosso novo álbum My Own Creations se você gosta de riffs duros e principalmente você ama melodias na música cantando junto com refrões.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicanalista

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

Seja Bem Vindo

Meu Canal de Vendas

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

Coeficiente

Textos Acadêmicos, Resenha de Livros e Discos

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

ESTERILTIPO

Resenha de discos de Rock & Metal

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

%d blogueiros gostam disto: