Entrevista 325 com Alex Glaser


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista 325 com a Banda Alemã Mortal Infinity.A Banda nos lança seu terceiro álbum intitulado como In Cold Blood.A Banda tem essa formação:Marc Doblinger como vocalista,Sebastian Brunner e Sebastian Unrath como Guitarristas,Alex Glaser como Baixista e Adrian Müller como Baterista.Vamos ao single deles e a entrevista.O Baixista é quem respondeu nossas perguntas.

Tempestade Conservadora 1:Apresentem a banda pra nós?
Alex Glaser-Mortal Infinity:Olá, somos o Mortal Infinity. Trash e Hardcore Mix com cinco caras do sul da Alemanha. Estamos no mercado há 10 anos e com três álbuns lançados e atualmente tocando muito ao vivo para o nosso recém-lançado álbum “In Cold Blood”.
Tempestade Conservadora 2:Falem sobre o trabalho de composição em In Cold Blood?
Alex:A música do nosso novo álbum é uma mistura dos nossos melhores negócios,o que significa que unimos a clássica área do mar de Trash metal aggressivo com vários elementos de hardcore e do Death metal. Estamos muito orgulhosos desse disco: Essa mistura desses gêneros musicais funcionou extremamente bem para as faixas deste disco, o que significa que o álbum como um todo é muito bem equilibrado com elementos rápidos e groove, servindo muitas coisas para o ouvinte. Seja descoberto.
Tempestade Conservadora 3:A Banda escolheu algum single pra este álbum e o porque desta escolha?
Alex:Nós escolhemos o nosso primeiro single “Misanthropic Collapse” como nosso single e para o nosso videoclipe por várias razões. Primeiro, escolhemos porque é uma representação muito boa do álbum como um todo e o que é o MI. E segundo, o tópico da música se alinhava muito bem com a ideia conceitual que tínhamos em mente para um videoclipe.
Tempestade Conservadora 4:O que a banda quer dizer com Champion Of War?
Alex:Você pode apenas ouvir a letra de Silent Assassin e descobrirá por que ele é o campeão da guerra.

Tempestade Conservadora 5:Qual o tema lírico para In Cold Blood?
Alex:In Cold Blood “não é um álbum conceitual, assim como as letras das músicas individuais. O tópico das músicas foi escolhido durante o processo de composição das músicas, depois que os riffs principais foram reunidos e selecionados de maneira a refletir o humor e estilo dos riffs. Mas existe definitivamente um guarda-chuva conceitual para todos esses tópicos das letras, para combinar com o título do álbum. Como a expressão “sangue frio” significa, todas as músicas tratam de emoções humanas, sua ausência e o que os humanos são capazes de infligir. um no outro.
Tempestade Conservadora 6:A Banda terá shows ou turnês em 2019?
Alex:Atualmente, estamos fazendo muitos shows e festivais até o início de 2020 e depois veremos o que o próximo ano está nos trazendo!
Tempestade Conservadora 7:Quais bandas influenciaram vocês no começo?
Alex:Como você provavelmente pode ouvir no nosso primeiro álbum,District Destruction. Começamos como uma banda de metal obstinada e com influências que vão de Exodus a Slayer e um pouco de Lamb of God. Ao longo dos anos, outras influências se tornaram importantes quando os novos membros entraram na banda.
Tempestade Conservadora 8:Qual foi a recepção deste álbum?
Alex:O álbum é muito bem recebido pelo público e pelos jornais e revistas e estamos muito felizes com isso!
Tempestade Conservadora 9:Qual a diferença entre a Mortal Infinity das suas bandas anteriores?
Alex:Para a maioria dos membros da banda atualmente, o MI foi sua primeira banda de Trash metal. Os projetos mais antigos dos atuais membros da banda variam de black metal, pagan metal e até punk rock. Portanto, há uma grande diferença.
Tempestade Conservadora 10:A Banda conhece e gosta do Metal Brasileiro?
Alex:Definitivamente ouvimos, vimos e lemos sobre como os metalheads são apaixonados e que você tem uma ótima comunidade de metal, algo de que pode se orgulhar. Obviamente, somos grandes fãs de bandas como o Sepultura, que estão definitivamente entre as cinco melhores bandas de Trash de todos os tempos!
Tempestade Conservadora 11:Falem sobre a Cena Metal da Alemanha?
Alex:A cena alemã, a comunidade e os shows e os festivais parecem estar em algum tipo de mudança à medida que o Streaming e o download legal se tornam cada vez mais estabelecidos. Os metaleiros na Alemanha ainda querem comprar seus CDs e vinil, é claro.Mas a principal receita para a maioria das bandas desapareceu. Assim, atualmente, tocar concertos é a única opção de ganhar dinheiro como banda. Graças a Deus, a maior parte da comunidade ainda frequenta regularmente shows e portanto,apóia as bandas.

Tempestade Conservadora 12:A Banda acredita que este álbum é conceitual?Sim ou Não e Porque?
Alex:Como explicado em relação à letra, não é um álbum conceitual. Fazer um álbum conceitual é apenas algo em que não estamos particularmente envolvidos. Na minha opinião pessoal, é uma ideia superestimada fazê-lo e além disso, é muito difícil fazê-lo corretamente.
Tempestade Conservadora 13:Falem sobre a ideia da capa do álbum?
Alex:O conceito da capa do álbum foi elaborado pela banda e realizado pelo estúdio de design tcheco All4Band que fez um trabalho fenomenal e obrigado por isso!
Tempestade Conservadora 14:A Banda tem algum sonho?
Alex:Sem sonhos, apenas planos!
Tempestade Conservadora 15:A Banda sentiu diferenças no som e na parte lírica entre Final Death Denied e agora em In Cold Blood?
Alex:Nós escrevemos nosso último álbum “Final Death Denied” com uma idéia diferente em mente. As músicas são muito mais longas e estruturalmente mais complexas. O álbum inteiro é muito mais longo e trata de tópicos mais abstratos e, às vezes, fictícios. Portanto, é difícil comparar. Para “In Blood Blood”, nós queríamos lixar tudo até o ponto em que só resta o que é absolutamente necessário para tornar as músicas ótimas.
Tempestade Conservadora 16:Como a banda não fez um trabalho de demonstração, podemos dizer que a banda teve um entendimento musical mais rápido do que o esperado?
Alex:Nós não fizemos uma demo no começo, mas também não um álbum. O primeiro lançamento do MI foi o Ep “Eternal War”, que você ainda pode obter no nosso bandcamp. Esse foi o primeiro marco que iniciou a jornada.
Tempestade Conservadora 17:Mandem uma mensagem aos fãs,a entrevista acabou
Alex:Queremos agradecer a todos os nossos fãs em todo o mundo que nos apoiam e ao metal em geral! Muito obrigado e todos vocês que leram isso e não ouviram algo sobre o Mortal Infinity, vão lá e dão uma olhada, vocês podem gostar.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicanalista

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

Seja Bem Vindo

Meu Canal de Vendas

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

Coeficiente

Textos Acadêmicos, Resenha de Livros e Discos

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

ESTERILTIPO

Resenha de discos de Rock & Metal

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

%d blogueiros gostam disto: