Entrevista 453 com a Banda Argentina Aridonia


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista 453 com a Banda Argentina Aridonia.A Banda nos apresenta seu Primeiro Álbum que também se chama Aridonia.A Banda tem essa formação:Fernando Echenique como Guitarrista e Vocalista,Benjamin Yecora como Guitarrista,Tomas Longombardo como Baixista e Matias Paiva como Baterista.A Banda inteira respondeu nossas perguntas.Porém,antes das respostas que vocês vão acompanhar em todas as suas emoções.Vamos a uma música deles.

TC 1:Apresentem a banda pra nós?

Aridonia:Somos Fernando Echenique (guitarra e voz), Matias Paiva (bateria), Tomas Longombardo (baixo) e Benjamin Yecora (guitarra).Nós nos conhecíamos na nossa cidade natal, Jujuy, na Argentina e do mesmo grupo de amigos ou do ensino médio e, anos depois, por causa de coisas na universidade e mudança de família, nos encontramos novamente em Buenos Aires.Fer e Benja vivem juntos, eles sempre tocavam violão em sua casa e um dia no sul do verão de 2015-2016 decidiram formar uma banda de rock stoner. Tocamos juntos alguns dias naquele verão em Jujuy para nos conhecer musicalmente e funcionou. Naquele momento, Tomi estava se mudando para Buenos Aires e Mati já morava na cidade, então, os planetas se alinharam e Aridonia nasceu no início de 2016.

TC 2:Falem sobre o trabalho de composição em Aridonia?

Aridonia:Sempre temos algo em mente, o processo é sempre o mesmo e achamos que todas as bandas fazem dessa maneira, um dos caras vai para o treino com seu riff, preenchimento, melodia ou apenas improvisamos e tentamos construir algo do zero. Houve um tempo em que tínhamos um gravador ZOOM e, quando algo apareceu na impressão, nós o salvamos e resolvemos no futuro.

TC 3:A banda escolheu algum single pra este álbum e o porque desta escolha?

Aridonia:Talvez “Panacea”, por causa da mudança radical no ambiente da música e sua variação, pensamos que é realmente progressivo e complexo. Mas, na verdade, não podemos escolher a música perfeita para um single, todos eles têm a sua coisa. Você vai gostar se você escolher uma música e nos contar o porquê.

TC 4:Qual tema lírico do álbum?

Aridonia:A letra por trás do tema do álbum tem a ver com a ideia de que Aridonia é um mundo novo, no qual existe a possibilidade de criar novos vínculos, novas maneiras de agir e sentir. Para esse tema, a letra tem a ver com o uso de metáforas que tentam levar o mito ao ponto de destruí-lo. A mensagem que Aridonia procura transmitir é um pouco da possibilidade de criar um novo mundo tentando desmistificar muitas coisas que às vezes aparecem na vida como algo natural. Por outro lado, transmita a liberdade de tocar música como exemplo de um elemento criativo que não possui uma determinada forma, mas está em constante transformação.

TC 5:A banda fará shows em 2020?

Aridonia:Queríamos fazer a apresentação do nosso álbum, mas neste momento com a situação do COVID-19, não sabemos realmente quando vamos tocar ao vivo. Neste momento, só podemos pensar depois de julho-agosto, sem ter certeza. Esperamos que tudo isso seja resolvido no menor prazo possível.

TC 6:Como está sendo a recepção para o álbum?

Aridonia:Foi ótimo! Há muito mais pessoas acompanhando e apoiando a banda, com isso elas vieram ofertas de design de álbuns, ofertas de difusão de rádio, críticas, entrevistas, e-mails de fãs e etc. Esperamos ter alguns shows ao vivo no futuro para que possamos fazer o que amamos e compartilhar com as pessoas.

TC 7:Porque a banda tem esse nome?

Aridonia:Estávamos pensando em uma palavra que define nossa pátria. Jujuy é, de alguma forma, um deserto; pelo menos a maior parte e é a parte que mais amamos. Com suas infinitas paisagens, montanhas enormes, céu azul, noites estreladas e pouca vegetação, esse lugar árido nos faz sentir muita magia. Criamos uma palavra que define nosso lugar no mundo, um lugar árido e essa palavra é Aridonia.

TC 8:O que a Aridonia tem de diferente de suas bandas anteriores?

Aridonia:Para começar, nenhum de nós já teve uma banda de stoner rock / metal / doom antes. Matias tem alguma história de Metal em sua família, seu pai e irmãos ouvem Heavy Metal e Metal desde sempre, ele nos disse que tocava bateria em uma banda caseira com seus irmãos.Fernando estava em uma banda de folclore com Matias. bastante conhecido no gênero, eles são talvez os únicos que tiveram uma banda séria no passado. O resto de nós que são Tomas e Benjamin tocou em algumas bandas de Funk Rock ou similares.

TC 9:Qual a ideia da capa do álbum?

Aridonia:A ilustração é sobre o planeta Aridonia, um planeta árido onde o vento é espesso e continuamente zumbindo. Nós somos esse planeta.

TC 10:Falem sobre a Cena Metal da Argentina?

Aridonia:Na Argentina, no final dos anos 90 e continuando o novo milênio, surgiram muitas bandas que combinam elementos de heavy metal, desgraça, rock psicodélico e progressivo. Dentro desta nova onda de bandas que gostamos estão: Los Natas, Santoro, Dragonauta, Sauron, Sur Oculto, IAH, Poseidotica, Senegal Grindcore Mafia, Avernal, Los Antiguos.

TC 11:A banda tem tido pesadelos com suas músicas?

Aridonia:Nossas músicas nos levam ao escuro e bonito. O medo faz parte de nós e o usamos para descobrir quem somos.

TC 12:A banda acredita que este álbum é conceitual?Sim ou Não e Porque?

Aridonia:Acreditamos que o álbum não é conceitual. Porque um álbum conceitual significa que ele foi concebido e composto em torno de um tema específico de uma maneira mais explícita desde a sua criação, cruzando-o de maneira integral pelas músicas. No nosso caso, a composição das músicas que acabaram compondo o álbum foi o resultado de um longo processo, de muitos anos, e embora as músicas escolhidas tenham terminado harmoniosamente em termos de texturas sonoras e temas refletidos nas letras, mentiríamos para você se disséssemos que isso foi pensado desde o início. É por isso que também decidimos chamá-lo pelo mesmo nome, porque mais do que um conceito em particular virou em um álbum, era uma representação definida de nossa identidade como uma banda que acreditamos ter sido consolidada neste álbum. Talvez mais tarde, possamos pensar em compor um álbum conceitual.

TC 13:Existe uma banda dentro do seu estilo que você não gosta? Se sim, diga qual e por quê?

Aridonia:Nós preferimos falar sobre as bandas que gostamos. As bandas de que não gostamos também estão tentando fazer o que querem e respeitamos isso.

TC 14:A banda conhece e gosta do Metal Brasileiro?

Aridonia:Nós gostamos muito do Macaco Bong, fomos vê-los quando eles estavam em Buenos Aires e foi incrível, já que continuamos sua jornada desde os primeiros álbuns. Sabemos que, infelizmente, eles se separaram. Também conhecemos o Sepultura, um clássico de demolição dos pesados sul-americanos. Mas somos honestos, não conhecemos muito mais bandas do estilo. Você poderia recomendar alguns?

TC 15:Porque a banda saiu de Jujuy?

Aridonia:Nós somos de Jujuy e viemos para a cidade de Buenos Aires para estudar, trabalhar ou para a família, mas não cogitamos mudar para Jujuy novamente no futuro.

TC 16:Mandem uma mensagem aos fãs,a entrevista acabou

Aridonia:Queremos agradecer aos nossos fãs por seu interesse e apreço ouvindo o que fazemos, significa muito para nós saber que existem pessoas que gostam e até se sentem identificadas com nossas músicas e letras. Diga também que estamos ansiosos para voltar ao palco com toda a nossa energia e compartilhar o que mais gostamos de fazer. Não se esqueça de nos seguir nas redes sociais e se juntar a nós para mais notícias e material! Saudações, Aridonia.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicanalista

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

Seja Bem Vindo

Meu Canal de Vendas

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

Coeficiente

Textos Acadêmicos, Resenha de Livros e Discos

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

ESTERILTIPO

Resenha de discos de Rock & Metal

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

%d blogueiros gostam disto: