Entrevista 527 com a banda-Espanhola-War Dogs


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista 527-com a banda-espanhola-War Dogs.A banda-nos mostra seu-primeiro-álbum-intitulado-Die By My Sword.A banda tem essa formação:Alberto Rodríguez-como-vocalista,Eduardo Antón-como-Guitarrista,Manuel Molina-como-baixista-e-José Aldeguer-como-baterista.Eduardo-respondeu às nossas perguntas.As quais,vocês vão acompanhar em todas as suas emoções.Mas,antes disso,vamos a uma música deles.

TC 1:Apresentem a banda pra nós?

Eduardo Antón-War Dogs:Ei, somos-os-War Dogs-de Alicante, na Espanha. Somos uma banda clássica de heavy metal com influências de épico metal e power metal americano. Espero que vocês gostem desta entrevista.

TC 2:Falem sobre o trabalho de composição em-Die by My Sword?

Eduardo:Bem, o trabalho de composição em Die By My Sword não foi diferente para o que estávamos fazendo antes. Eu, Eduardo, o guitarrista, geralmente componho a música, gravo, o resto da banda aprende e terminamos na sala de ensaios. No entanto, duas músicas foram compostas diretamente no ensaio, tocando acima no riff. É o caso da Ready To Strike, por exemplo.

TC 3:A banda escolheu um single para este álbum e por que essa escolha?

Eduardo:Nós tivemos 3 singles para o álbum. O primeiro, “Die By My Sword”, porque representa a essência do álbum “The Shark”, porque é uma ótima música com um refrão cativante e contamos com a colaboração de Bryan Patrick de Manilla Road e “Wings of Fire”, porque o dono da Fighter Records gostou muito dessa música.

TC 4:Quais batalhas e guerras a banda aborda neste álbum?

Eduardo:Nada específico, mas geralmente penso em batalhas medievais.

TC 5:Falem sobre a cena do metal na Espanha?

Eduardo:Agora temos bandas fortes e clubes de heavy metal. Witchtower, Iron Curtain, Redshark, The Wizards, Streamer e muito mais são ótimas bandas, e os clubes de heavy metal organizam shows para manter a chama viva.

TC 6:Porque a banda tem esse nome?

Eduardo:Vem de uma música que escrevi quando tinha 14 anos. Era uma metáfora para mercenários. No entanto, mais tarde comecei a compor melhor e essa música nunca viu a luz, talvez um dia.

TC 7:Como a mitologia entra na sua música?

Eduardo:Eu acho-que-o épico e ótimo. Neste álbum, usamos a mitologia grega, mas agora estamos trabalhando em novos assuntos para o nosso novo álbum como a mitologia católica.

TC 8:Qual a diferença entre a-War dogs-e as suas bandas anteriores?

Eduardo:Não temos bandas anteriores, mas temos outros projetos. O cantor Alberto canta e toca guitarra em uma banda de death / black metal chamada Baloth e eu e o baterista Jose estamos começando uma pesada banda de heavy metal progressivo com membros de outras bandas espanholas como Witchtower e Raging Fire.

TC 9:A banda tem pesadelos com suas músicas?

Eduardo:Não temos-não.

TC 10:Qual é a ideia por trás das obra de arte?

Eduardo:Queríamos ter uma batalha ardente. Além disso, queríamos um cachorro ou lobo, porque é a coisa representativa da banda e o castelo na parte de trás representa a música “Castle of Pain”.

TC 11:Como está a recepção deste álbum?

Eduardo:Foi ótimo, está vendendo bem e tem muitas visualizações no Youtube e Spotify. Infelizmente, essa coisa do coronavírus nos impediu de fazer uma turnê promovendo, mas faremos isso o mais rápido possível.

TC 12:Como a banda chegou à Fighter Records?

Eduardo:Estávamos procurando gravadora, mandamos o álbum para alguns e a Fighter foi quem interessou. Estamos muito felizes com o trabalho deles.

TC 13:A banda acha que este álbum é conceitual?sim ou não e por quê?

Eduardo:Definitivamente, não é um álbum conceitual. Cada música conta uma história individual.

TC 14:O que a banda quer dizer com Speed Metal?

Eduardo:Temos influências de vários estilos de metal, metal épico, power dos EUA e speed metal são alguns deles.

TC 15:É correto dizer que a banda tem influência direta do power metal?

Eduardo:Sim, da cena do power metal dos EUA. Bandas como Manilla Road, Vicious Rumours, Queensryche, Manowar são uma grande influência na minha música.

TC 16:IRON MAIDEN, JUDAS PRIEST e MERCYFUL FATE, sem dúvida, influenciam a banda. Mas entre os três, qual é a maior influência?

Eduardo:Eu diria que, em termos de riffs, Judas Priest, em termos de estrutura de canções, Mercyful Fate, sem dúvida.

TC 17:Dê uma mensagem aos fãs, pessoal. A entrevista acabou!

Eduardo:Espero que você goste Die By My Sword! Em breve, você terá novo material da War Dogs!

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicoterapeuta

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

MAGAZINEANV

DIVULGUE PRODUTOS DO

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

BlueNote Blog

CARTAS PRA NINGUÉM

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

Metal Viewer

Kleine Bands werden hier groß geschrieben.

%d blogueiros gostam disto: