Entrevista-549-com a Banda-Americana-Inpathos


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista-549-com a Banda-Americana-Inpathos..Eles nos apresentam seu-primeiro-álbum-intitulado-como-Divinity.A banda-tem-essa-formação:Jordan Siu-como vocalista,Anthony Nelson-e-Adonis Reed-Boulos- como guitarristas,Benjamin Crabill-como-baixista-e-Nabil Reed-Boulos-como-baterista.Adonis-respondeu todas as nossas perguntas.As-quais,vocês vão acompanhar em todas as suas emoções.Mas,antes disso,vamos-a-uma-música-deles.

TC 1:Apresente a banda para nós?

Adonis Reed-Boulos:Somos a Inpathos, iniciada em Bellingham, Washington, EUA. Nós somos Adonis RB-Rítmica Guitarra; Anthony N-na guitarra principal,na Bateria, Nabil RB,nos Vocais Jordan e Benjamin C-no-baixo-e Vocais.

TC 2:Falem sobre o trabalho de composição em-Divinity?

Adonis:A composição do álbum foi um esforço combinado entre nós três. Eu escrevi todas as partes de guitarra e baixo, exceto tanto a introdução harmonizada quanto o limpo de “Winter Lantern”. A introdução foi escrita por Nabil e o outro foi escrito por Anthony. A bateria foi um esforço combinado de Anthony, Adonis e Nabil e todas as letras foram escritas por mim com contribuições ocasionais de Jordan. As idéias das músicas são uma coleção de idéias nas quais eu trabalhei há vários anos, mas não gravei.

TC 3:A banda escolheu um single para este álbum e por que essa escolha?

Adonis:Nós escolhemos “The Void Above” como o single principal do álbum. Nós escolhemos porque sentimos que melhor representava o som geral do álbum.

TC 4:Qual é o tema lírico deste álbum?

Adonis:O tema lírico do álbum é uma jornada pessoal. É anedótico, mas tentei não ser muito franco ou direto no que estava dizendo. É contado sob dois pontos de vista diferentes, cada um fazendo parte do narrador. Uma parte é a identidade que está sendo esmagada pela outra parte, que é descrita como esse personagem maciço, hediondo, mas divino que tenta suprimir e coagir a outra metade a se submeter por vários meios. O álbum é sobre a identidade suprimida que cresce e começa a entender sua situação e então, percebe lentamente que não é menor que o outro e não precisa que ele exista. Essencialmente, percebe que a identidade opressiva não é divina, afinal e não precisa estar no controle.O álbum é basicamente uma analogia para experiências pessoais com as quais lutei ao longo da minha vida. Muita morte, depressão, vício, esse tipo de coisa.

TC 5:Por que a banda tem esse nome?

Adonis:Escolhi Inpathos devido aos temas mais sombrios sobre os quais estava escrevendo. É derivado de Pathos.

TC 6:Que tipo de-lado-sombrio e pesado estão fazendo nesse álbum?

Adonis:Definitivamente, optamos por um som sombrio neste álbum. Nós sintonizamos o Drop C e embora certamente haja muito menos afinações que as bandas usam, ele faz o trabalho. Isso combinado com as escalas dissonantes que gostamos de usar ajuda a criar uma atmosfera sombria que se encaixa no conteúdo lírico. Pessoalmente, gosto de bandas como Gorgoroth, Behemoth e Opeth e o som sombrio que elas recebem. Sua influência foi outro fator que contribuiu para o som.

TC 7:A banda acha que este álbum é conceitual? Sim ou não e por quê?

Adonis:Sim, o álbum é conceitual e segue o arco ou tema da história de uma luta pessoal com a chamada divindade do mal interior.

TC 8:Qual é a ideia por trás das obras de arte?

Adonis:É representativo da vil divindade que é o principal antagonista da história. É um rosto enorme, deformado, quase mofado, olhando para o espectador com a intenção de destruir. A obra de arte foi feita por Sophia A.

TC 9:Como a-Inpathos-é-diferente das suas bandas anteriores?

Adonis:A Inpathos é muito mais maduro do que qualquer banda em que eu já estive antes. Ele tem um propósito, a escrita é focada e temos objetivos legítimos como banda: continuar lançando álbuns, crescer musicalmente e, esperançosamente, encontrar sucesso e eventualmente começar a turnê!

TC 10:A banda tem pesadelos com suas músicas?

Adonis:Eu acho que Anthony e eu teremos pesadelos sobre a gravação e mixagem do álbum até o fim dos tempos.

TC 11:Falem sobre a cena do metal em Washington?

Adonis:A cena do metal em Washington cresceu muito desde que comecei a fazer música. Temos várias bandas de black metal, death metal, black-death metal, melodeath, thrash e doom que surgiram nos últimos anos. Ex Nihilo e Izthmi são provavelmente os dois que mais me empolgam, mas há muitos mais, todos muito legais.

TC 12:A banda conhece e gosta de algo sobre o-brasil metal?

Adonis:Além do lendário Sepultura, não tivemos o prazer! Por favor, recomende alguns que podemos conferir!sério, quanto mais metal ouvimos, melhor!

TC 13:Como-a- banda-mistura-melodeath e death metal dissonante?

Adonis:Nós realmente gostamos do som da melodeath. Agradecemos as melodias, harmonizações, ritmos e músicos e ouvintes. No entanto, também amamos a escuridão e a intensidade do death metal dissonante. Além disso, Nabil e eu somos libaneses. Nós tendemos a incorporar muitos elementos da música com a qual crescemos. Isso também contribui para a dissonância na música, pois tendemos a usar escalas e melodias diferentes das de muitas outras bandas do gênero.

TC 14:Quando a banda diz-divindade é-uma- critica-á-religião?

Adonis:O uso da Divindade e outras imagens relacionadas à religião são intencionalmente enganosas. Grande parte do álbum, especialmente “The Void Above”, poderia ser interpretado como um ataque à religião. No entanto, é realmente apenas usado como uma analogia. Eu não queria ser muito direto com o significado das minhas letras, então, usei uma analogia que faria parecer que eu poderia estar falando sobre outra coisa quando lidamos pela primeira vez.

TC 15:Não fazer muita melodia de Gotemburgo é uma-fuga-do-lugar-comum?

Adonis:Não queremos subir como todas as outras bandas de melodia de Gotemburgo tanto quanto amamos o som. Dois de nós também somos libaneses, e isso realmente teve uma enorme influência no nosso som, embora tentemos não ser excessivos. Nós realmente nos incorporamos ao som geral.

TC 16:Entreguem uma mensagem para os fãs, pessoal. A entrevista acabou.

Adonis:Esperamos que todos gostem da nossa música! Agradecemos a todos que ouvem. Já estamos trabalhando em um segundo álbum e temos CDs do Divinity a caminho. Estamos muito animados e esperamos que você se junte a nós à medida que avançamos. Obrigado!


 

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicoterapeuta

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

MAGAZINEANV

DIVULGUE PRODUTOS DO

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

BlueNote Blog

CARTAS PRA NINGUÉM

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

Metal Viewer

Kleine Bands werden hier groß geschrieben.

%d blogueiros gostam disto: