Entrevista-577-com a Banda-Americana-Madrost


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista-577-com a Banda-Banda-Americana-Madrost.Eles nos apresentam seu-quarto-álbum-intitulado-como-Charing the Rotting Earth.A banda-tem-essa-formação:Tanner Poppitt-como Guitarrista e vocalista,Necro Nick-como-Guitarrista,Richard Orellana-como-Baixista-e-Mark Rivas-como-Baterista.Necro Nick-respondeu nossas perguntas.As-quais,vocês vão acompanhar em todas as suas emoções.Porém,antes-disso,uma-música-deles.

TC 1:Apresentem a banda para nós?

Necro Nick:Temos Tanner Poppitt nas guitarras e vocais, depois Necro Nick nas guitarras, Richard Orellana no baixo e Mark Rivas na bateria.

TC 2:Falem sobre o trabalho de composição em Charring the Rotting Earth?

Necro Nick:Nick tem seu próprio estúdio de gravação em sua casa. O mesmo acontece com Mark, de qualquer forma, Tanner iria dirigir até a casa de Nick e criar músicas uma vez por semana durante alguns meses até que tivéssemos músicas completas que gostássemos o suficiente para fazer um álbum. Usamos computadores, programas e inspiração geral para fazer isso acontecer. Escutamos todo tipo de música durante o processo. Nick foi fortemente inspirado pelo black metal durante esse período ao escrever este novo álbum.

TC 3:A banda escolheu um single para este álbum e porque essa escolha?

Necro Nick:Escolhemos o single pensando conosco o que melhor representaria essa nova etapa do Madrost? O single tem tudo, os novos truques que nunca usamos, os riffs rápidos que nos fazem enlouquecer e o vocal que deixa todos maravilhados. Agora que foi lançado há um mês, não consigo imaginar o single sendo qualquer outra música. Mas espere logo, vamos lançar um segundo single.

TC 4:Qual é o tema lírico deste álbum?

Necro Nick:Bem, para as letras, desta vez, começamos pensando-e vamos fazer mais material de ficção científica, porque somos todos sobre essas coisas! Parecia ser mais natural cantar sobre o apocalipse e tópicos mais moralmente apaixonados. Realmente chegue às verdades que todos nós sabemos sobre nós mesmos, mas não podemos enfrentar devido à nossa incapacidade de lidar com isso.

TC 5:Porque a banda tem esse nome?

Necro Nick:É uma palavra búlgara que significa sabedoria e parecia incrível!

TC 6:Como-veio-o-convite-para-Sam Meador?

Necro Nick:Tanner conhece a banda Xanthochroid há algum tempo. Sam e ele sempre foram amigos e com essas novas composições. Muitas das músicas eram matadoras, mas no processo de composição você tenta explorar tudo que pode para melhorar sua música, Tanner sugeriu que Sam verificasse as músicas e tentasse alguns de seus trabalhos úteis. Muito tempo, eles voltaram com orquestrações incríveis. Ficamos muito felizes com o resultado de ter Sam conosco desta vez.

TC 7:Como foi a turnê com Sacrificial Slaughter e-Isolation?

Necro Nick:Era 2012 e, para resumir a história, foi uma explosão. Nós nos divertimos muito, tantos shows. Nós nunca tínhamos imaginado o quão divertido estar na estrada e tocar em tantos lugares novos e apertar as mãos de fãs que nunca conhecíamos antes. Vendemos muitos CDs e nos lançamos lá. Os meninos do pacote turístico nos trataram bem e sempre olharemos para trás com ternura e daremos as boas-vindas à próxima aventura !!

TC 8:A banda tem pesadelos com suas músicas?

Necro Nick:Todos nós temos pesadelos, Nick parece sonhar com metrônomos constantemente. Talvez pensando em mais músicas para colocar no papel para você, talvez do jeito que as coisas estão indo teremos mais músicas e mais coisas malucas do Madrost antes mesmo de você perceber! Eu sei que posso imaginar como uma criança com medo de terremotos e bolas de fogo disparando pela atmosfera, mas como um adulto, outras coisas na vida são muito mais assustadoras !!

TC 9:Como a Madrost-é-diferente de suas bandas anteriores?

Necro Nick:Madrost realmente joga o elemento thrash na panela. Claro, o thrash parece transformar o lixo nuclear na música de uma forma ou de outra, mas esses caras eram apenas livros didáticos fazendo thrash como alguns dos melhores tipo o que eu gostava, mas eles têm tantos temas de letras diferentes do resto . Ninguém tocou em tópicos como esses, geralmente era sangue e temas típicos de terror, mas ficção científica e todo o fim está próximo era algo novo para mim.

TC 10:Falem sobre a cena do metal na Califórnia?

Necro Nick:Califórnia e metal são como melhores amigos, pense em como, o norte é louco por metal e o sul é louco por metal. Central também! Existem tantas bandas, não apenas locais, mas internacionais, que são o mais respeitado no metal. Sério, é incrível, nós temos muitos programas, temos muito apoio, você só precisa saber onde encontrar. Temos tantos encontros de troca e outros mercados para reunir, algumas lojas de discos incríveis, é incrível como a cena do metal californiano é incrível!

TC 11:A banda conhece e gosta de algo sobre metal brasileiro?

Necro Nick:Bem, Nick, ele estava em turnê com sua outra banda na França e acabou com um show em turnê com a NERVOSA. Sei que Fernanda não está mais na banda, mas elas foram legais, sabem tocar e aposto que tocam muito melhor do que muita gente. Mas Nick também viu o Krisiun ao vivo inúmeras vezes. Eles vieram à América tantas vezes com tantas bandas boas em turnê que é difícil perder!

TC 12:Como é que a banda chegou à NoLifeTilMetal Records?

Necro Nick:Tínhamos acabado de mixar e masterizar o álbum Charring, tínhamos que pensar de que maneira queremos que esse álbum seja lançado? Nós mesmos fazemos o D.I.Y. porque é sempre incrível, mas você sempre se pergunta se devo obter uma representação da gravadora? Talvez trabalhar com outra pessoa que possa levar o material mais longe do que eu? Isso nos levou a negociar com a No life ‘til metal Records. Eles nos informaram com sua ajuda que poderíamos lançar nosso álbum no Japão e na América do Sul-e etc. então, assinamos o contrato e cruzamos os dedos e tem sido ótimo até agora!

TC 13:Qual é a ideia por trás da obra de arte?

Necro Nick:Bem,Tanner tem controle total sobre a arte.Ele e Tony Koehl mantêm um relacionamento profissional e pessoal há anos. Ele trabalhou no Essence of Time Matches No Flesh-que-é nosso álbum anterior e todos adoraram. Decidimos manter o amor fluindo e contratá-lo para arrancar tudo de novo para nós e ele cumpriu, como sempre!

TC 14:A banda acha que este álbum é conceitual? Sim ou não e porque?

Necro Nick:Eu não acho necessariamente que seja um álbum conceitual para mim, ao escrevê-lo, senti como se fosse um monte de música matadora unida. Mas quanto mais leio junto com a letra da música, parece um conceito. O tema flui por toda a duração do álbum. Sendo o conteúdo lírico e o fluxo real do álbum, eu diria, sim, este é um álbum conceitual sobre uma pessoa que passa por uma jornada nada perfeita. Ele está em perigo e eles estão vindo atrás dele.

TC 15:O-que-a-banda-quer-dizer-com o próximo nível?

Necro Nick:Então, você sempre aumenta a barra. Não importa o que você esteja fazendo. Estamos fazendo o mesmo, não queríamos apenas fazer o Essence parte dois, queríamos fazer o melhor álbum que pudéssemos! Então, o próximo nível para nós significa, melhor fidelidade sonora, melhor estrutura ou habilidade musical e apenas tornar tudo seriamente melhor. O que faltou em nosso último álbum, garantimos que cumpriremos com este, será assim até que acabe.

TC 16:A banda sente diferenças entre lírico e som em-The Essence of Time Matches No Flesh-e-agora-em-Charring the Rotting Earth?

Necro Nick:Com o-Tanner,ele queria experimentar alguns truques novos. Ninguém o ouviu fazer esses sons antes. Eu gostaria que tivéssemos explorado mais nosso alcance vocal, mas para este novo álbum, nós fomos tão longe quanto já fomos com os sons vocais. Outros cantores vieram e se juntaram! Queríamos que fosse ainda mais legal e exclusivo para esse álbum. Quem sabe se faremos mais assim ou não. Liricamente, sinto que acabamos de desenvolver mais senso de quais pontos estamos tentando transmitir e nos adequamos ao material de forma mais eficiente.

TC 17:Deixem uma mensagem para os fãs, pessoal. A entrevista acabou.

Necro Nick:Todo mundo no Brasil,chifres acima!!Confiram o novo álbum “Charring The Rotting Earth”, que será lançado em 25 de setembro pela No Life ’Til Metal Records. As pré-encomendas são ao vivo e temos todos os tipos de coisas incríveis disponíveis !!Viva metaleiros-brasileiros !!!

Aqui está, Felipe !!! Felicidades.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicoterapeuta

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

MAGAZINEANV

DIVULGUE PRODUTOS DO

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

BlueNote Blog

CARTAS PRA NINGUÉM

Discover WordPress

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

Metal Viewer

Kleine Bands werden hier groß geschrieben.

%d blogueiros gostam disto: