Entrevista 670 com a Banda Britânica Trishula


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista 670 com a Banda Britânica Trishula.A banda nos mostra um Hard Rock bem técnico e muita intensidade.Além disso,eles nos apresentam seu segundo álbum intitulado como Time Waits For No Men.A banda tem essa formação:Jason Morgan como Vocalista,Neil Fraser como Guitarrista,Dan Clark como Baixista,Rick Benton como Tecladista,Georgia Morgan nos Backvocais e Neil Ogden como Baterista.Neil Fraser respondeu as nossas perguntas.As quais,você vai acompanhar em todas as suas emoções.Mas,antes disso,vamos a uma música deles.

TC 1:Apresentem a banda pra nós?

Niel Fraser:A formação atual da banda no álbum ‘Time waits for no man’ é Jason Morgan nos vocais, backing vocals, Neil Fraser nas guitarras, teclados, backing vocais, Rick Benton nos teclados, Dan Clark no baixo, Neil Ogden na bateria e Georgia Morgan nos backing vocais.

TC 2:Fale sobre o trabalho de composição em Time Waits For No Man?

Niel Fraser:Todas as músicas são escritas por mim, eu escrevo todas as músicas, as melodias vocais e algumas letras, eu entrego as demos das músicas para Jason Morgan, Jason então escreve 95% das letras. Nós nos encontramos e gravamos a demonstração dos vocais, então levamos tudo para um estúdio profissional para as gravações vocais finais e a adição de baixo ao vivo, bateria ao vivo e teclados adicionais.

TC 3:A banda escolheu um single para este álbum e por que essa escolha?

Niel Fraser:Bem, originalmente lançamos um vídeo com a letra da música ‘How is should be’, então acho que foi o primeiro single do álbum, o que foi bom, tocamos algumas opções para alguns amigos e eles gostaram de ‘How it should be , então fomos com isso. Posteriormente, filmamos um vídeo da banda para a música chamada ‘The Border’, acho que a banda ficou bastante satisfeita com a escolha da música porque é uma música rock muito poderosa com bons vocais e boas partes instrumentais também.

TC 4:Qual tema lírico do álbum?

Niel Fraser:Não havia um verdadeiro tema geral para as letras desse álbum, para ser honesto, cada música é uma música com seu próprio direito e com sua própria história única para contar.

TC 5:Porque o álbum é tão triste?

Niel Fraser:Você quer dizer Triste’? Eu não acho que o álbum seja particularmente triste, eu sei que muita paixão e emoção entraram na produção deste álbum e eu acho que provavelmente isso vai para o ouvinte. O processo de composição e gravação foi muito fácil desta vez e todos nós ficamos muito felizes durante o processo, então definitivamente não é um álbum triste, estamos todos nos divertindo muito e gostando muito de fazer o que fazemos.

TC 6:Além da música,o que a banda gosta de fazer?

Niel Fraser:Bem, alguns dos caras estão muito ocupados tocando em outras bandas, Rick Benton toca teclado para MAGNUM, então nós da Trishula temos que nos ajustar à agenda de Rick que é muito ocupada, mas Rick é muito flexível quando se trata de trabalhar com Trishula, então isso é muito legal. Passo a maior parte do meu tempo livre escrevendo e gravando, mas também gosto de fazer longas caminhadas no campo com minha esposa e nossos cachorros. Jason também tem cachorros e também gosta do mesmo tipo de coisas que eu.

TC 7:Como foi a recepção para este álbum?

Niel Fraser:Este novo álbum parece ter sido muito bem recebido, estamos muito satisfeitos com a resposta e os amáveis comentários e críticas, o álbum também alcançou a posição 10 no UK Amazon Classic Rock Charts, então estamos muito satisfeitos com a forma como as coisas estão indo .

TC 8:Porque a banda tem esse nome?

Niel Fraser:Trishula originalmente consistia em três membros principais da banda, eu, Jason Morgan e um baterista. Então, originalmente estávamos procurando por um nome que tivesse relevância para o número três, então estávamos procurando nomes como ‘Tridente’ por causa das três pontas em uma lança do tridente, então encontramos o nome ‘Trishula’ que também é uma lança com três pontas. Portanto, a razão do nome é baseada no número três.

TC 9:Existe alguma banda dentro do seu estilo que vocês não gostam?Se sim,qual e porque?

Niel Fraser:Não, eu aprecio toda a música e aprecio os esforços de todos os músicos e bandas, estamos todos no mesmo jogo, então não há ninguém de quem eu não goste de verdade.

TC 10:Como surgiu o convite para Georgia Morgan?

Niel Fraser:Georgia Morgan é filha de Jason Morgan, queríamos ter mais texturas nos backing vocals neste novo álbum, porque se o vocalista gravar todos os backing vocals, bem como os vocais principais, o álbum pode acabar soando como uma parede de um vozes de cantores. Então, neste álbum Jason Morgan, eu e Georgia contribuímos com os vocais de apoio e ficamos muito satisfeitos com o resultado final.

TC 11:O que a Trishula tem de diferente de suas bandas anteriores?

Niel Fraser:Todas as bandas em que toquei nos últimos dez anos foram projetos de outra pessoa, então, anteriormente, eu era apenas um tocador contratado. Esta banda é a minha banda, eu escrevo todas as músicas, mas também dou a todos os envolvidos total liberdade para se expressarem musicalmente, também me certifico de que seus nomes sejam divulgados junto com o álbum e não apenas meu nome. Então Trishula é uma banda muito relaxada e feliz, sem tensões, sem egos e os músicos são muito bons no que fazem e muito experientes, então é muito legal fazer parte de Trishula.

TC 12:Qual a ideia da capa do álbum?

Niel Fraser:A capa do álbum foi feita pela mesma artista que fez a capa do primeiro álbum que se chama Alina Silwinska, eu escolhi a capa simplesmente porque gostei da foto, fiquei um pouco atraído por ela por causa das montanhas e colinas ao fundo, porque gravamos todas as gravações demo em uma parte do Reino Unido chamada País de Gales e País de Gales é bastante acidentado e montanhoso em alguns lugares, então meio que se encaixou com esse pensamento, eu acho.

TC 13:Eu sinto que a harmonia da banda tocando é igual a um casamento.Acredita que isso foi mais rápido que o esperadoSomos todos muito experientes no que fazemos, então se encaixar como uma banda é muito natural para todos nós. Eu toco em bandas desde os 15 anos de idade e acho que os caras têm tocado por quase a mesma duração de tempo. Já trabalhei com Jason Morgan em outra banda e também conheço Rick Benton há muitos anos. Rick e Dan Clark já tocaram juntos antes e eu conheço Neil Ogden há muitos anos também, então foi uma grande família feliz quando todos nós nos reunimos para fazer essa coisa de Trishula.

Niel Fraser:Somos todos muito experientes no que fazemos, então se encaixar como uma banda é muito natural para todos nós. Eu toco em bandas desde os 15 anos de idade e acho que os caras têm tocado por quase a mesma duração de tempo. Já trabalhei com Jason Morgan em outra banda e também conheço Rick Benton há muitos anos. Rick e Dan Clark já tocaram juntos antes e eu conheço Neil Ogden há muitos anos também, então foi uma grande família feliz quando todos nós nos reunimos para fazer essa coisa de Trishula.

TC 14:Como a banda chegou na AOR-Haven?

Niel Fraser:Fui recomendado na Aor-Haven pelo meu amigo Pete Godfrey,o qual também é vocalista da banda Blood Red Saints.Agora que fizemos dois álbuns pela Aor-Haven,estou muito feliz de estar na gravadora e eles serão a primeira gravadora com quem estou comentando sobre o terceiro álbum.

TC 15:A banda acha que esse álbum é conceitual? Sim ou não e por quê?

Niel Fraser:Não, eu não acho que este novo álbum seja particularmente um álbum conceitual, não há um tema predominante. Eu tento fazer cada música diferente das outras do álbum, mas é só isso.

TC 16:A banda sentiu diferenças no som e na parte lírica entre Scared To Breathe e agora em Time Waits For No Men?

Niel Fraser:Acho que o álbum ‘Scared to Breathe’ foi provavelmente um pouco mais pesado do que este novo álbum e possivelmente um pouco mais orientado para a guitarra. Acho que a produção está melhor nesse novo álbum, embora tenhamos usado a mesma produtora que é a Sheena Sear, produtora da Magmum, acho que a composição das músicas possivelmente está melhor nesse novo álbum também.

TC 17:Mandem uma mensagem aos fãs,pessoal.A Entrevista acabou!

Niel Fraser:Não podemos agradecer às pessoas o suficiente, por toda a gentileza e apoio que eles nos mostraram no espaço de tempo relativamente curto que Trishula existiu. Já estamos na metade do caminho para escrever e gravar o terceiro álbum, então faremos o nosso melhor para continuar entregando álbuns que você irá aproveitar e, com sorte, produzirá um álbum por ano, então, obrigado por todo seu fantástico incentivo e apoio.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicanalista

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

Seja Bem Vindo

Meu Canal de Vendas

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

Coeficiente

Textos Acadêmicos, Resenha de Livros e Discos

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

ESTERILTIPO

Resenha de discos de Rock & Metal

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

%d blogueiros gostam disto: