Entrevista 705 com a Banda Portuguesa King Baal


Por incrível que pareça,essa entrevista não deveria ser postada agora.Não porque somos grosseiros.Mas porque a Banda em questão só lançará esse trabalho de maneira completa.Apenas em 2021.Mas a rapidez da banda fez com que nosso cronograma fosse veloz.A Tempestade Conservadora mostra sua Entrevista 705 com os Portugueses da King Baal.Eles lançam seu álbum de abertura chamado Conjurements.Seria muito injusto fazer a apresentação da banda,pois dois deles que aceitaram responder as nossas perguntas.Apenas diremos que acompanharemos em todas as suas emoções,esse papo com a Vocalista Joana Carvalho e o Guitarrista Narciso Monteiro e eles executam o Doom Metal com uma estrutura mais gótica e sinfônica.Vamos a esse papo em todas as suas emoções!

TC 1:Apresentem a banda pra mim e seus respectivos instrumentos?

Joana Carvalho:Nós somos os King Baal e somos uma banda portuguesa que vai desde o Metal tradicional até ao Doom e ao Sinfónico. Eu sou a vocalista principal, o Narciso Monteiro é o guitarrista e o responsável pelos guturais, o João Amorim é o nosso baixista e o Luís Moreira é o baterista.

TC 2:É correto afirmar que Joana participou de algum conservatório antes de cantar de forma linda para todos nós?

Joana:Sim. Eu sou precisamente uma estudante de canto do Conservatório Nacional aqui em Portugal. Sempre cantei ao longo da minha vida, mas, há dois anos, comecei a estudar canto lírico no Conservatório e todos os dias estou em constante aprendizagem.

TC 3:Assinar com uma das mais modernas gravadoras atuais que é o caso da Wormhole Death é maravilhoso,mas como chegaram até Carlo e a equipe?

Narciso:Sem dúvida, o trabalho da Wormholedeath é notável e é um enorme privilégio poder trabalhar com eles. Na verdade, foi bem simples, nós enviamos os detalhes de todo o projecto e uma amostra musical para o Carlo e ele imediatamente disse-me que ficou rendido à sonoridade e queria trabalhar connosco. A partir daí, construímos todo o lançamento em conjunto e a fama de eficácia e profissionalismo da WHD confirma-se, tem sido fantástico.

TC 4:O Casamento de estilos de Doom com o lado sinfônico do metal acontecem de qual forma?

Narciso:De uma forma muito natural, pois são dois estilos que ouvimos e apreciamos imenso. Nós gostamos de música densa e pesada, mas sempre com melodia e emotividade associada.

TC 5:É correto afirmar que o single deste trabalho é Immortality.Se sim,qual é o motivo?

Joana:Nós optámos por escolher lançar a Immortality em primeiro lugar, pois achámos que esta era uma música que representava bem a sonoridade da banda e que poderia atrair o público certo. A dualidade e o jogo entre as duas vozes tão diferentes minha e do Narciso, a forma como estão conjugadas na música, agradou-nos bastante e pareceu-nos ser cativante. Para além disso, é um tema que tem de tudo, vai desde partes mais calmas até partes mais pesadas, mas nunca deixando os elementos sinfónicos de lado. Trata-se de uma autêntica viagem sonora.

TC 6:Que tipos de conjuramentos vocês fazem neste trabalho?

Narciso:Há uma forte inspiração na Chave Menor de Salomão que, como os conhecedores da obra saberão, é repleto de conjurações tanto de magia branca como negra. Nós exploramos essa temática e demos-lhe aquela capa metafórica que na verdade esconde por trás outros assuntos bem mais sociais e pessoais.

TC 7:Baal mexe com a fertilidade e tem ligações com falsos deuses.No campo pessoal,isso gera criatividade musical ou são motivos religiosos que vocês tem pra fazer tais letras?

Narciso:Não há qualquer ligação nem inspiração religiosa no nosso trabalho mas sim filosófica e teológica. Somos interessados neste tipo de temáticas e adoramos explorar a relação entre as pessoas e a sua necessidade de dogmas. Baal é um dos principais reis da hierarquia de demónios e tem uma forte relação, como disseste, com a prosperidade, o conhecimento e a evolução e é isso que nos move.

TC 8:-Eu não sou ligado a nenhuma religião dita cristão judaica.Mas queria saber quem escreve a maioria das letras? Além disso,isso se trata de alguma experiência pessoal?

Narciso:As letras são escritas por mim e têm uma inspiração pessoal muito patente. Se dissecares todo o romantismo e dramatismo das letras, vais perceber que se relacionam com experiências e sentimentos bem terrenos e físicos.

TC 9:Quais bandas de Doom e Metal Sinfônico deixam a banda feliz em ouvir ?digam pra nós!

Joana:Bandas desde Epica, Nightwish, Kamelot, Therion até The Gathering, Lacuna Coil, Theatre Of Tragedy ou mesmo os nossos conterrâneos Moonspell deixam-nos felizes e influenciam-nos de alguma forma!

TC 10:Além do que metal,o que fazem de suas vidas?

Joana:Tal como já referi, eu sou estudante de canto no Conservatório, mas também estou a tirar uma licenciatura em filosofia. O resto da banda tem uma diversidade grande de atividades, deste professores, músicos de sessão, técnicos e engenheiros.

TC 11:Qual a ideia da capa do álbum?

Narciso:Ora bem, a capa não é da nossa autoria mas sim um fantástico trabalho do Daniel Set. Que explorou a questão ritualística e introduziu genialmente dois elementos fundamentais num ritual: um corpo, que assumindo que está a realizar o ritual sozinho será necessariamente o sacerdote e uma adaga.

TC 12:É um álbum conceitual?

Narciso:Não, pelo menos não propositadamente. Há realmente uma ligação e uma temática comum, mas não há uma transição direta intencional entre os temas.

TC 13:Eu estaria sendo muito ousado se eu afirmar que a música Touched by the Kiss of Lucifer é a música mais polêmica do disco?

Narciso:É curioso, eu apontaria mais para “The Grand Judgement” como música mais potencial para criar essa sensação. “Touched by the kiss of Lucifer”, apesar do título e da aparente mensagem principal, fala-nos sobre uma desilusão anunciada e previsível, mas cuja tentação impediu a clarividência e a lógica.

TC 14:Quem seria Geradiel e como ele encaixa na música?

Narciso:Geradiel é o principal dos Principes Errantes na Ars Theurgia Goetia, segundo livro do Lemegeton. É de boa natureza e, quando invocado, traz consigo um gigante número de servos. Esta música é quase uma transcrição pura da efectiva invocação a Geradiel.

TC 15:Tivemos seriados como Supernatural que falaram sobre esse mundo sobrenatural de maneira espetacular.Esse seriado ajudou a banda ou podemos dizer que é uma boa referência para fãs?

Narciso:Sem dúvida. Há um conjunto de séries que influenciam bastante o nosso trabalho e “Supernatural” foi uma delas. É até um bom exemplo pois aborda com bastante precisão mitológica todo o conjunto e hieraquia entre anjos e demônios.

TC 16:Qual banda podemos dizer que a banda não escuta com tanta frequência? se essa banda realmente existir,justifiquem o motivo!

Joana:Creio que não exista nenhuma banda que todos nos recusemos a ouvir. Apesar de ouvirmos muita coisa em comum, acho que o facto de todos também ouvirmos muita coisa diferente e de termos influências diferentes transparece nas nossas músicas.

TC 17:Como é de domínio público,Cristiano Ronaldo e Jorge Jesus são muito queridos no Brasil pelo que fazem nos campos.A banda gosta de algum esporte como futebol ou não? se sim,digam seus times!

Joana:Esta é uma pergunta muito pertinente, pois interessamo-nos bastante por futebol e existe uma grande rivalidade entre nós! Dentro da banda, temos apoiantes das equipas que mais competem uma com a outra em Portugal, nomeadamente o SL Benfica e o FC Porto. Eu sou benfiquista, enquanto que o Narciso e o João são portistas e todos sentimos um grande amor pelo nosso clube. Deste modo, evitamos falar de futebol uns com os outros.

TC 18:Mandem uma mensagem aos fãs,pessoal.A Entrevista acabou!

Joana:Muito obrigada a todos os que têm ouvido e partilhado o nosso trabalho. Estamos muito satisfeitos com o resultado do que fizemos e é muito gratificante ver que há outras pessoas que apreciam! Esperamos que gostem tanto do álbum como nós gostámos de fazê-lo.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicanalista

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

Seja Bem Vindo

Meu Canal de Vendas

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

Coeficiente

Textos Acadêmicos, Resenha de Livros e Discos

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

ESTERILTIPO

Resenha de discos de Rock & Metal

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

%d blogueiros gostam disto: