Entrevista 772 com a Banda Italiana Slabber


A Tempestade Conservadora chega a sua Entrevista 772 com a banda Italiana de Heavy Metal Clássico Slabber.A banda lançará seu segundo álbum completo no dia 26 de Março.O nome do álbum é Apocryphal Diary.Mas,com a colaboração de Monica Azei e também do guitarrista da banda colocaremos o álbum completo pra vocês através deste link.Além,é claro,de o Guitarrista dar uma entrevista para nós que atende pelo nome de Marco Poliani.Antes,de colocarmos a entrevista em todas as suas emoções.Vamos ao Link deste segundo álbum lançado pela gravadora italiana Punishment 18 Records.Apocryphal Diary completo através deste link abaixo:

https://drive.google.com/drive/folders/147cxDPjkA59DH0exbCYf_BmxoeGxL-pA

TC 1: Quem é quem na banda ?

Marco Poliani: Olá, sou Marco Poliani, o guitarrista da Slabber.A nossa formação é : Alessandro Bottin: na vox, Marco Poliani: na guitarra e nos backing vocals, Francesco Valerio no baixo, Marco Maffina na bateria.

TC 2:Fale para nós do processo de composição em Apocryphal Diary ?

Marco Poliani:Eu acho que Apocryphal Diary” é um ótimo trabalho! Todos nós participamos da composição e escrita de canções. Geralmente cada música começa com a linha da guitarra e então, lentamente, tentamos e tentamos obter o melhor resultado.

TC 3:Qual é o tema das letras deste novo trabalho?

Marco Poliani:Não existe um tema lírico comum, sempre independente da canção, na música e na letra. Gostamos de falar sobre problemas ambientais, impactos tecnológicos e todas as questões humanas.

TC 4:Quais são as diferenças entre Rapid Fire e Slabber ?

Marco Poliani:A diferença é muito simples: “Rapid Fire” era o passado, “Slabber” é o presente e também o futuro. De “Rapid Fire” para “Slabber” mudamos de vocalista e baixista, então também decidimos mudar o tom porque hoje nosso som está mais agressivo e cortante.{Nota da TC:Antes de fundarem este novo conjunto,eles tocaram em uma banda chamada Rapid Fire}

TC 5:Quais são as bandas que influenciaram a Slabber ?

Marco Poliani:Tocamos apenas o necessário: pedimos para o Heavy Metal viver melhor, tocamos Heavy Metal para ser feliz de viver. O Slabber se inspira em todos os tipos de música, explorando as raízes de nossa formação musical.

TC 6:Gosto muito, mas porque uma musica instrumental ?

Marco Poliani:Mesmo? Eu penso que não! “Apocryphal Diary” é o segundo longa-metragem e agora não tem mais experiência ao vivo e em estúdio. Este novo álbum representa o melhor que podemos oferecer agora. Cada música é organizada em detalhes.

TC 7:A banda sentiu diferenças no som e na parte lírica entre Colostrum e agora em Apocryphal Diary ?

Marco Poliani:Mesmo? Eu penso que não! “ApocryphalDiary” é o segundo longa-metragem e agora não tem mais experiência, ao vivo e em estúdio. Este novo álbum representa o melhor que podemos oferecer agora. Cada música é organizada em detalhes.

TC 8:Como a banda chegou na Punishment 18 Records ?

Marco Poliani:Tentamos contatou 18 Records Punishment desde os dias de “Colostrum”. É uma ótima gravadora, séria e profissional, perfeita para a cena underground de heavy metal.

TC 9:Qual a ideia da capa do álbum ?

Marco Poliani:A capa do álbum é de YanSek, um designer indonésio. Gostamos da maneira como ele trabalha e da quantidade de paixão usada naquilo em que acredita.

TC 10:O que a Slabber tem de diferente de suas bandas anteriores ?

Marco Poliani:Tudo e nada. Já se passou muito tempo desde a era do “Rapid Fire” e agora somos uma nova banda, novas ideias com muito o que fazer e dizer.Tudo muda e a banda também.

TC 11:O que a banda gosta de fazer além da música?

Marco Poliani:Comer e Beber.Isso não é o bastante ?

TC 12:O Power Metal foi completamente esquecido pela banda ou ainda podemos ouvi-lo neste novo trabalho ?

Marco Poliani:Oh não, esta não é uma pergunta que eu possa responder.

TC 13:Apesar do respeito musical que existe,existe algumas bandas que vocês não gostam? Se for o caso, o que acontece e por quê?

Marco Poliani:Oh não, esta não é uma pergunta que eu possa responder.

TC 14:A banda acredita que este álbum é conceitual?Sim ou não e porque?

Marco Poliani:Este não é um álbum conceitual. “ApocryphalDiary” é apenas um chute na cara!

TC 15:Qual tema a banda faria uma música agora?

Marco Poliani:No momento não sei, mas gostaria de escrever canções sobre fobocracia e a “Grande Recuperação”.

TC 16:A banda gosta do campeonato italiano ?

Marco Poliani:Não!

TC 17:Mandem uma mensagem aos fãs,a entrevista acabou.

Marco Poliani:Corra para ouvir o novo álbum, não perca tempo e siga-nos nas páginas sociais.

Publicado por Lipetempestade

Uma pessoa de personalidade forte mas disciplinadora e exigente

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Guilherme Angra

Escritor e Psicoterapeuta

UNDERGROUND N' PROUD

THE BEST OF THE ROCK AND METAL UNDERGROUND!

THE HEADBANGING MOOSE

PURE F****N' METAL!

Rock Out Stand Out

The go to place for all the latest in rock and metal music!

The Metal Wanderlust

Metal, Metal, and maybe even some more Metal!

The Metal Gamer

Where the world of metal and gaming becomes one

MAGAZINEANV

DIVULGUE PRODUTOS DO

Tempestade Conservadora

Atitude,Esporte e Espiritualidade

BlueNote Blog

CARTAS PRA NINGUÉM

Discover WordPress

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Faiock Estúdio

Edição de vídeos, jingles, dublagem, conteúdo, animação etc

HeavyMetalToTheWord

Propagando o Rock e o Metal na sua verdadeira essência..!!

Blog da Jor72

Blog de 'Jornalismo Online' da Faculdades Cearenses (FAC) 2020.2

Cinemarcoblog

Cinema, séries e memórias de um cinéfilo.

Metal Viewer

Kleine Bands werden hier groß geschrieben.

%d blogueiros gostam disto: